Mulheres dirigiram 40% dos pré-candidatos ao Oscar de documentário

Sessenta e sete dos 166 filmes que buscam uma indicação ao Oscar de melhor documentário foram dirigidos ou codirigidos por mulheres, segundo levantamento feito pelo Mulher no Cinema a partir da lista divulgada pela Academia de Ciências Cinematográficas.

Trata-se de uma proporção de cerca de 40,3%, acima dos 35% registrados em 2017 e dos 32% registrados em 2016. Duas produções brasileiras dirigidas por mulheres estão na lista: Piripkura, de Mariana Oliva, Renata Terra e Bruno Jorge; e O Processo, de Maria Augusta Ramos.

images (3)
O Processo | filme sobre os bastidores do impeachment de Dilma Rousseff

 

Neste ano, pela primeira também podem participar da disputa os documentários que venceram prêmios qualificatórios em festivais conveniados à Academia e/ou foram inscritos na categoria de filme estrangeiro. Uma lista de 15 finalistas será anunciada em 17 dezembro e os cinco longas que de fato disputarão o Oscar serão conhecidos em 22 de janeiro. A entrega do prêmio será em 24 de fevereiro.

Veja os documentários dirigidos por mulheres que estão na disputa:

 

Above and Beyond: NASA’S Journey to Tomorrow, de Rory Kennedy

 

Bali: Beats of Paradise, de Livi Zheng

 

Bathtubs over Broadway, de Dava Whisenant

 

Be Natural: The Untold Story of Alice Guy-Blaché, de Pamela B. Green

 

Bill Coors: The Will to Live, de Kerry David

 

Boom for Real: The Late Teenage Years of Jean-Michel Basquiat, de Sara Driver

 

Charm City, de Marilyn Ness

 

Communion, de Anna Zamecka

 

Dark Money, de Kimberly Reed

 

Divide and Conquer: The Story of Roger Ailes, de Alexis Bloom

 

Far from the Tree, de Rachel Dretzin

 

Free Solo, de Elizabeth Chai Vasarhelyi e Jimmy Chin

 

Garry Winogrand: All Things Are Photographable, de Sasha Waters Freyer

 

Generation Wealth, de Lauren Greenfield

 

The Gospel According to André, de Kate Novack

 

Grace Jones: Bloodlight and Bami, de Sophie Fiennes

 

Hal, de Amy Scott

 

Half the Picture, de Amy Adrion

 

Hillbilly, de Sally Rubin e Ashley York

 

The Homeless Chorus Speaks, de Susan Poli Schutz

 

In the Land of Pomegranates, de Hava Kohav Beller

 

Inventing Tomorrow, de Laura Nix

 

Invisible Hands, de Shraysi Tandon

 

Itzhak, de Alison Chernick

 

Jane Fonda in Five Acts, de Susan Lacy

 

The Judge, de Erika Cohn

 

Kangaroo: A Love Hate Story, de Kate McIntyre Clere e Michael McIntyre

 

Kusama – Infinity, de Heather Lenz

 

Licu, a Romanian Story, de Ana Dumitrescu

 

Living in the Future’s Past, de Susan Kucera

 

Liyana, de Amanda Kopp e Aaron Kopp

 

Love & Bananas: An Elephant Story, de Ashley Bell

 

Love, Cecil, de Lisa Immordino Vreeland

 

Love, Gilda, de Lisa Dapolito

 

New Moon, de Philippa Ndisi-Herrmann

 

93Queen, de Paula Eiselt

 

Of Love and Law, de Hiraku Toda

 

On Her Shoulders, de Alexandria Bombach

 

The Opera House, de Susan Froemke

 

The Oslo Diaries, de Mor Loushy e Daniel Sivan

 

The Other Side of Everything, de Mila Turajilic

 

Pick of the Litter, de Dana Nachman e Don Hardy Jr.

 

Piripkura, de Mariana Oliva, Renata Terra e Bruno Jorge

 

O Processo, de Maria Augusta Ramos

 

Inmates, de Ma Li

 

Quincy, de Rashida Jones e Alan Hicks

 

RBG, de Julie Cohen e Betsy West

 

O Caso Rachel Dolezal, de Laura Brownson

 

Recovery Boys, de Elaine McMillion Sheldon

 

Roe x Wade: Direito das Mulheres nos EUA, de Ricki Stern e Anne Sundberg

 

Robin Williams: Come inside My Mind, de Marina Zenovich

 

Say Her Name: The Life and Death of Sandra Bland, de Kate Davis e David Heilbroner

 

Science Fair, de Cristina Costantini e Darren Foster

 

Searching for Ingmar Bergman, de Margarethe von Trotta

 

Gloria Allred – Justiça para Todas, de Roberta Grossman e Sophie Sartain

 

Shirkers, de Sandi Tan

 

The Silence of Others, de Almudena Carracedo e Robert Bahar

 

Sisters of the Wilderness, de Karin Slater

 

That Way Madness Lies…, de Sandra Luckow

 

This Is Home: A Refugee Story, de Alexandra Shiva

 

United Skates, de Tina Brown e Dyana Winkler

 

Up Down and Sideways, de Anushka Meenakshi e Iswar Srikumar

 

The Waldheim Waltz, de Ruth Beckermann

 

We Could Be Heroes, de Hind Bensari

 

Weed the People, de Abby Epstein

 

What Hunts Us, de Paige Tolmach

 

Yellow Is Forbidden, de Pietra Brettkelly

 

 

Anúncios

Autor: Reverbero

Jornalista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.