Amigos organizam ‘vaquinha’ para ajudar no tratamento do fotógrafo Joka Madruga

O fotógrafo Joka Madruga é bastante conhecido no fotojornalismo e entre os movimentos sociais. Através de suas lentes, importantes momentos históricos foram eternizados.

O que pouca gente sabia até esta semana é que o fotógrafo enfrenta sérios problemas de saúde que o impossibilitam de exercer a sua profissão. Assim, amigos organizaram uma vaquinha para ajudar no tratamento. Até agora, a arrecadação chega a R$ 16 mil, acima da meta inicial de R$ 12 mil. 

Foto de divulgação da campanha

O problema

Há 8 anos, Joka, que construiu sua carreira em Curitiba-PR, convive com ácido úrico elevado e sérias crises de gota. No final do ano passado, enquanto visita os pais no interior do Paraná, uma grave crise tirou parte de sua mobilidade e, desde então, ele precisa de cuidados especiais. O acúmulo de cristais entre o fêmur e a rótula nos dois joelhos provocaram uma inflamação que o deixou de cadeira de rodas.

Como profissional autônomo, Joka sempre se manteve com as coberturas fotográficas que faz de atividades esportivas, sindicais e sociais não apenas no Paraná, mas em outros estados onde seu talento como fotojornalista é requisitado.

Com a perda da mobilidade, ele está sem trabalhar e os gastos com seu tratamento não param de surgir. O tempo que o SUS vem demorando para atender às necessidades do tratamento tem gerado muita dor física e emocional ao Joka. Para piorar, neste ano, seu pai sofreu um AVC e a mãe, Dona Lúcia, está tendo que cuidar sozinha do marido e do filho.

“Diante de tudo isso, com a autorização do nosso Joaquim Eduardo Madruga, estou realizando essa campanha pra dar uma força no tratamento do nosso amigo. Ele precisa fazer vários exames caros de imagem e também comprar medicamentos”, afirma a amiga que organizou a vaquinha.

“Doe quanto você puder. Toda ajuda é bem-vinda! E não deixe de divulgar essa campanha. O Joka plantou boas sementes em muitos corações e precisamos chegar neles com esse pedido. Queremos ver o Joka Madruga sorrindo e com sua câmera em punho novamente”. 

De acordo com a campanha, a doação também pode virar um prêmio. No final da campanha, os doadores de valores acima de R$ 30,00 concorrerão a fotos  impressas e assinadas pelo Joka. 

Autor: Reverbero

Jornalista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.